quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Inocência de Criança (há que perdoar)

Hoje aborreci-me logo ao chegar à obra. Ali, estendido na areia, estava um rapaz, dos seus seis/sete anos, vestindo uma camisa do Porto. E contente, ainda por cima, a julgar pelo sorriso largo. A camisa era velha, gasta pelo tempo e com as cores atenuadas pelo sol.

- Epá, que camisa é essa? Não tens vergonha? – provoquei eu.

Ele, muito sério, respondeu:

- Nada, essa camisa é bem fixe!

- Ainda és muito novo, não sabes das coisas. Bonita é a vermelha do Benfica. Vou trazer-te uma quando for a Portugal, depois deitas essa para o lixo, queres?

- Xê, não quero! O Benfica toda a hora lhe ganham, só perde, perde. Essa aqui é melhor. Podes me trazer uma nova, mas do Porto!

- Tens muito que aprender rapaz, muito… - concluí eu, perante as gargalhadas dos presentes, divertidos (eu também, confesso) com a personalidade do jovem.

E saí dali a pensar em como pode este país acreditar no seu desenvolvimento, se as crianças têm os valores tão adulterados assim...

Sacana do puto!

5 comentários:

Linda disse...

Há putos c bons gostos...axo que lhe vou oferecer uma nova ;)

SAF disse...

Estou a adorar o teu Blog Ricardo...parabéns. Estou a ficar viciado nestas histórias do quotidiano angolano.

Abraço
Sérgio

Ricardo disse...

Obrigado Sérgio, volta sempre!

Será que depois da goleada de ontem o miúdo já aceita a camisa do Benfica?

Abraço

Anónimo disse...

Tens que dizer ao puto que o Benfica agora é que tá SUPER! Ontem foi uma goleada fabulosa! aqui em casa até o Bebeto "gritava" eheheh.
Adoro ler os teus "recados"...é uma forma de matar a SAUDADE dessa terra! Continua com esse espírito, Ricas! Beijos de todos cá do "burgo".
Tia Bela

Tania disse...

Continuem a cantar de galo... pois a mim restam-me as lembranças de tempos já bem longínquos, em que a camisola verde ainda era sinónimo de alguma esperança... enfim!

Enviar um comentário