quarta-feira, 14 de outubro de 2009

A cozinheira

Hoje houve uma pequena algazarra na obra. Uma coisa controlada, nada de dramático.

Segundo apurei, mais tarde, o epicentro daquela discussão fora uma das cozinheiras do estaleiro que, ao que parece, dividia atenções amorosas por dois dos trabalhadores. O facto não fora surpresa para o Lopes, que via novelas e sabia que aquilo era normal.

Ainda assim, quando a “esbanja amor” o serviu, à hora do almoço, ele não conseguiu evitar um aceno com a cabeça, com os cantos da boca virados para baixo, como quem diz “com que então a senhora, hã? Quem diria…”

Depois veio contar-me alguns pormenores que averiguara sobre aquele triângulo amoroso. Que ela tinha feito um feitiço qualquer e que ele só sabia que metia jindungo esmagado.

- Aquelas coisas lá das macumbas ou o que é! E metia funge também, parece…

E ele narrou-me o enredo completo daquela história, onde fiquei a saber que a cozinheira, além de feiticeira, tinha tendências ninfomaníacas, “o que explica ter enfeitiçado logo dois, não é?”. Acenei com a cabeça que era e ele continuou, dizendo-me que também já notara alguns olhares interessados da senhora. Mas ela não fazia o género dele, que gostava das mulheres mais rechonchudas “com o rabo em forma de pêra, está a ver?”. (E decididamente eu não estava a ver...)

- Até porque o Lopes não é para qualquer uma. Um corpinho cheio de recantos de lazer é só para quem eu quero. - rematou ele, ajeitando a gola da camisa.

E quando foi embora, depois de me contar toda a novela, concluíu:

- Eu realmente sempre a achei assim um pouco... – disse ele, fazendo um gesto indefinido com a mão, sem dizer o que a senhora era. Mas fosse o que fosse, era só um pouco.

3 comentários:

Anónimo disse...

Adorei a historia! Mais uma vez o Lopes no epicentro da cena! Também gostava de saber como é um "rabo" em forma de pera..."! Imagino os recantos de prazer do Lopes! Realmente ele é uma figura muito engraçada! Ainda bem que te vais entretendo com estas cenas do quotidiano, numa terra em que para alguns, os horizontes se perdem no infinito mas que para outros, não têm mais do que palmo e meio.
Continua, bloguista, o teu clube de fãs está a aumentar!
MIAU

Anabela Borges disse...

O Lopes deve realmente ser uma "figura" ahahah!
Ricas tens de tentar arranjar uma maneira de trazer o Lopes numas férias que coicidam com as tuas e fazeres um almoço em honra dele!!!Merece, o Lopes! Todos estamos curiosos para conhecer essa "figura" que é uma verdadeira "musa" inspiradora para quem tão bem escreve como tu!
Tenta ao menos trazer umas fotos do Lopes, e se possível de forma a mostrar os seus traços "africanos" ahahahah.
Beijinhos cheios de SAUDADES da tia Bela.
P.S. O Rui manda-te um abração e é um seguidor fiel do teu blog(eu sou "obrigada" a imprimir todos os teus post's para ao FDS ele ler!)

Anabela Borges disse...

O Lopes deve realmente ser uma "figura" ahahah!
Ricas tens de tentar arranjar uma maneira de trazer o Lopes numas férias que coicidam com as tuas e fazeres um almoço em honra dele!!!Merece, o Lopes! Todos estamos curiosos para conhecer essa "figura" que é uma verdadeira "musa" inspiradora para quem tão bem escreve como tu!
Tenta ao menos trazer umas fotos do Lopes, e se possível de forma a mostrar os seus traços "africanos" ahahahah.
Beijinhos cheios de SAUDADES da tia Bela.
P.S. O Rui manda-te um abração e é um seguidor fiel do teu blog(eu sou "obrigada" a imprimir todos os teus post's para ao FDS ele ler!)

Enviar um comentário